Brasileirão 2012
Corinthians é derrotado pelo Botafogo no Pacaembu por 3 a 1
Publicado em 11 de julho de 2012 às 21h32

Em jogo atrasado do Campeonato Brasileiro, o Corinthians recebeu o Botafogo, em sua primeira partida em casa após a conquista da Libertadores da América, e na festa das faixas pela conquista do título sul-americano, o Fogão conseguiu a vitória por 3 a 1.

O resultado leva o time carioca de volta ao G4, com 15 pontos. O Timão permanece com cinco, na zona de rebaixamento da competição.

O jogo começou com as duas equipes tentando abrir espaço em campo e tocar a bola. A primeira boa chance foi do alvinegro carioca, em jogada de Cidinho, que bateu cruzado e a bola passou muito perto do gol de Cássio, aos oito minutos de jogo. O Timão teve sua primeira boa oportunidade na cobrança de falta de Chicão, aos 11, que Romarinho desviou de cabeça, mas para fora.

Alex tentou na bola parada aos 15 e Jefferson saiu para fazer a defesa. O Botafogo tentava, na velocidade, criar as jogadas de gol, enquanto que o Corinthians conseguia pouca ação ofensiva nos primeiros minutos de jogo no Pacaembu.

Elkeson teve a chance em cobrança de falta aos 25, mas a bola passou raspando o canto direito do gol de Cássio. Dois minutos depois, Andrezinho recebeu na direita e cruzou para a área, mas Paulo André acabou tocando na bola, tirando o goleiro da jogada e abrindo o placar para o Fogão, com gol contra.

Aos 36, Cássio fez a defesa em nova tentativa botafoguense, de Lucas. A pressão era toda do time carioca, que não deixava o Corinthians buscar as jogadas e criava várias situações de perigo para a defesa corintiana. Restava ao time do Parque São Jorge as chances na bola parada, como a de Alex, aos 39, em cobrança de falta que passou perto da meta de Jefferson.

O Corinthians teve a grande chance do empate em jogada de Fábio Santos pela esquerda. O lateral arriscou o chute, Jefferson tentou sair para a defesa, deixou a bola escapar e Márcio Azevedo conseguiu salvar o Botafogo. Depois, aos 44, em outra chance do Timão, Romarinho chutou em cima de Jefferson. No rebote, Paulinho mandou no travessão e voltou para Élton, que tocou para o gol, mas a jogada foi anulada devido ao toque no braço do jogador corintiano. Aos 48, Alex bateu de longe e Jefferson caiu para defender o chute do meia do Corinthians.

O segundo tempo começou como o primeiro, com muita disputa pela bola, mas pouca ação ofensiva das duas equipes. Aos oito minutos, Cássio teve de sair do gol para evitar que Elkeson conseguisse ficar com a bola após lançamento para a área.

O Botafogo aumentou o placar aos 11 do segundo tempo, com Elkeson. Lucas recebeu na direita, dominou e fez o cruzamento para a área, onde o atacante botafoguense chegou antes de Cássio para anotar o segundo do Fogão no Pacaembu.

Fellype Gabriel tentou a jogada e a bola foi parar nas mãos de Cássio. Com a vantagem, o time carioca tentava impedir o Corinthians de ir ao ataque e buscava ficar com a posse de bola para impor o seu ritmo de jogo. 

Aos 23, o Botafogo marcou o terceiro, novamente com Elkeson. Após boa jogada pela esquerda de Andrezinho, Elkeson apenas teve o trabalho de tocar a bola para o fundo das redes de Cássio.

Romarinho tentou finalizar uma bola cruzada na área, mas a zaga do Botafogo conseguiu o desvio antes da finalização corintiana. O Timão tentava subir para o ataque, mas enfrentava a forte marcação botafoguense.

Aos 42, o árbitro marcou pênalti para o Corinthians, de Lucas em Fábio Santos. Chicão partiu para a cobrança e diminuiu o placar no Pacaembu, tirando a chance de Jefferson defender.

O Corinthians volta a jogar em casa na próxima rodada, diante do Náutico. O Botafogo fará o Clássico Vovô com o Fluminense.

Ficha técnica

Corinthians 1 x 3 Botafogo

Local: Pacaembu, São Paulo (SP);
Árbitro: Heber Roberto Lopes (PR);
Assistentes: Carlos Berkenbrock (SC) e Bruno Boschilia (PR)
Assistentes adicionais: Emerson de Almeida Ferreira (MG) e Cleisson Veloso Pereira (MG)

Corinthians: Cássio; Alessandro, Chicão, Paulo André e Fábio Santos; Ralf, Paulinho (Ramírez), Alex e Danilo (Douglas); Romarinho e Elton (Adílson). 
Técnico: Tite.

Botafogo: Jefferson; Lucas, Antônio Carlos, Fábio Ferreira e Márcio Azevedo (John Lenon); Lucas Zen, Renato, Andrezinho, Fellype Gabriel (Rodrigo Dantas) e Cidinho; Elkeson (Willian).
Técnico: Oswaldo de Oliveira.

Gols: Paulo André (BOT, contra) aos 27 do primeiro tempo, Elkeson (BOT) aos 11 e 23, Chicão (COR) aos 43 (pen) do segundo tempo

CA: Romarinho (COR); Lucas, Andrezinho, John Lenon, Jefferson e Lucas Zen (BOT)

© 2014 Federação Paulista de Futebol - Todos os direitos reservados. FALE CONOSCO    |    EXPEDIENTE