Clube Atlético Bragantino
Série B
São Caetano e Bragantino fazem primeiro jogo entre paulistas
Publicado em 29 de maio de 2012 às 14h14

Pela terceira rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, São Caetano e Bragantino fazem o primeiro confronto entre times de São Paulo na competição. Ambas as equipes vêm de derrota e buscam reabilitação no torneio. Este será o 21º confronto na história das duas equipes. Até o momento, foram oito vitórias para o lado do time de Bragança Paulista, sete para o lado do São Caetano e cinco empates. Ao todo, o Bragantino marcou 27 gols e o São Caetano, 24.

Após perder os dois primeiros jogos na competição, o São Caetano trocou a comissão técnica, sendo treinado agora pelo técnico Sérgio Guedes, que fará sua estreia no comando da equipe. Guedes, que dirigiu o time do São Caetano na mesma competição, em 2010, tentará somar os primeiros pontos.

Para sua primeira partida à frente do time do ABC paulista, Sérgio Guedes pode escalar o time com quatro jogadores no meio de campo, promovendo o retorno de Geovane ao ataque para fazer dupla com Somália. A armação fica a cargo da dupla Pedro Carmona e Marcelo Costa. Ele não terá à disposição o meia Ailton, com uma entorse no tornozelo esquerdo.

Buscando reverter a derrota diante do Criciúma (SC) no final de semana, o Bragantino não poderá contar com o ala-direita Victor Ferraz, que se encontra fisicamente debilitado em virtude de uma gripe. A boa notícia é que o atacante Giancarlo foi liberado pelo departamento médico e já está à disposição do técnico Marcelo Veiga.

Para o confronto em São Caetano do Sul, no entanto, o treinador do Bragantino prefere não antecipar a equipe que entra em campo. “Na zaga, vamos estudar bem o estilo do adversário e ver qual atleta temos no elenco que pode neutralizar melhor as jogadas deles. No meio-campo, acho que podemos melhorar a marcação, mas com qualidade, e no ataque temos três grandes jogadores (os atacantes Lincom, Giancarlo e Cesinha) para definir o que fazer”, explicou Marcelo Veiga.

Com relação ao setor ofensivo do Bragantino, Marcelo Veiga destacou que a dúvida se deve à qualidade de suas opções. “O Giancarlo já está liberado e era titular antes de se contundir. O Cesinha entrou muito bem contra o Criciúma e até marcou gol, e o Lincom dispensa comentários, já que foi o artilheiro do time na temporada passada”, resumiu o comandante.

Ficha técnica:

São Caetano: Luiz; Samuel Santos, Wagner (Eli Sabiá), Gabriel e Diego; Augusto Recife (Anselmo), Moradei, Pedro Carmona e Marcelo Costa; Giovane e Somália.
Técnico: Márcio Araújo

Bragantino: Alê; Caldeira, Cris e Luís Henrique; Léo Jaime, Rodrigo Pontes, Sílvio, Fernando Gabriel e Andrezinho; Romarinho e Giancarlo (Cesinha ou Lincom)
Técnico: Marcelo Veiga.
 
Árbitro: Marcelo Aparecido de Souza (SP)
Assistentes: Alberto Poletto Masseira e Alex Alexandrino (ambos de SP)
Quarto árbitro: Vinicius Forlan (SP)
Local: estádio Anacleto Campanella, em São Caetano do Sul
Data: 29 de maio, às 19h30

Ficha Técnica
Presidente
Marco Antonio Nassif Abi Chedid
Endereço
Rua Emílio Colela, s/n CEP 12914-410 - Bragança Paulista -
Telefone: (11) 2277-1036/ Fax: 2277-1035

Web Site Oficial
www.bragantino.net


Fundação
08/01/1928
Estádio Mandante
Nabizão
Nabi Abi Chedid
Bragança Paulista
Mascote

Em 1944, o maior rival do Bragantino no futebol era a equipe amadora do Bragança Futebol Clube. Naquele ano, o time chegou a contratar alguns atletas importantes da Capital para derrotar seu "inimigo" número 1.

Mesmo com uma equipe teoricamente inferior, o Bragantino derrotou o Bragança. E como forma de homenagear o clube, Cícero Marques, então presidente do Bragantino, mandou fazer um quadro com a figura do Leão. Desde então, o 'rei dos animais' virou a mascote do clube.

© 2014 Federação Paulista de Futebol - Todos os direitos reservados. FALE CONOSCO    |    EXPEDIENTE