Paulistão Itaipava

Promovidos em 2017, São Caetano e Bragantino alcançam feito inédito na década

Publicado em 12 de março de 2018, às 18h30

Não é segredo nenhum que quando um time consegue o acesso, o principal objetivo no ano seguinte é a permanência, ainda mais em um campeonato disputado como o Paulistão Itaipava. Promovidos no Paulistão A2 Itaipava de 2017, São Caetano e Bragantino conseguiram a permanência e, de quebra, também estão nas quartas de final do campeonato.

A classificação de São Caetano e Bragantino ganha ainda mais importância se comparar com os resultados das equipes promovidas nesta década. Das 26 equipes promovidas entre 2010 e 2016, apenas três conseguiram a classificação para a segunda fase no ano seguinte: o Guarani, em 2012, o Penapolense, em 2013, e o Red Bull, em 2015. Já as outras 23 se dividiram em permanência (14) e rebaixamento (9).

Campeões paulistas de 1990 e 2004, as equipes buscam feito inédito no Paulistão: nunca uma equipe que ascendeu para a elite conseguiu o título no ano seguinte. O mais próximo foi o Guarani, que ficou com o vice de 2012 após perder a decisão para o Santos.

Para seguir sonhando, Bragantino e São Caetano irão enfrentar, respectivamente, Corinthians e São Paulo na próxima fase. Serão jogos de ida e volta e em caso de empate no placar agregado o classificado será definido nos pênaltis.

Confira o retrospecto dos times ascendentes ao Paulistão Itaipava:

2017 (16 clubes, 8 classificados e 2 rebaixados)
Santo André - permanência
Mirassol - permanência

2016 (20 clubes, 8 classificados e 6 rebaixados)
Ferroviária - permanência
Novorizontino - permanência
Oeste - rebaixado
Água Santa - rebaixado

2015 (20 clubes, 8 classificados e 4 rebaixados)
Capivariano - permanência
Red Bull - classificado
São Bento - permanência
Marília - rebaixado

2014 (20 clubes, 8 classificados e 4 rebaixados)
Portuguesa - permanência
Rio Claro - permanência
Audax - permanência
Comercial - rebaixado

2013 (20 clubes, 8 classificados e 4 rebaixados)
São Bernardo FC - permanência
União Barbarense - rebaixado
Atlético Sorocaba - permanência
Penapolense - classificado

2012 (20 clubes, 8 classificados e 4 rebaixados)
XV de Piracicaba - permanência
Guarani - classificado (vice-campeão)
Catanduvense - rebaixado
Comercial - rebaixado

2011 (20 clubes, 8 classificados e 4 rebaixados)
Linense - permanência
Noroeste - rebaixado
Guaratinguetá - permanência
São Bernardo FC - rebaixado

Academia
SKY
Bet90
Gafisa
Kappa
Canon
Penalty